segunda-feira, 3 de outubro de 2016

Prr.

Feliz dia do poe no elevador que eu pego. Ou do "tem ..., o mercado ta cheio!!". Feliz dia do adududu quentinho. Da nhaca. Dos porres de cobertura de chocolate e daqueles de cerveja. Ou era tequila?

Feliz dia do "quem vai pagar por essa mesa?". Do "eu não aguento mais", "CRUELL". Feliz dia do POS, STAY, do zoar na net, zoar na net, zoar na net. Feliz dia do "what are you waiting for?", do bolo que era de beterraba, da bandeira assinada no para-raio, do brunch que derrubou a gente. 

Feliz dia do amor platonico, da Bufy, do Bernando e o seu relógio, do meu ex-piercing embaixo da lingua. Feliz dia das incontaveis parodias, tardes no shopping, noites a fora. Feliz dia do "para de rir", do "vamo idelizar", do "falta 204 reais pra minha vida ser perfeita", dos momentos pinga. 

Feliz dia do, desce, sobe, "tens a minha chave?". Do paga, do te fode, do "posso ir junto?", do "como assim tu não vai?". Feliz dia do "por favor vamos", do "como que eu vou contar isso", do "imagina quando..".

Como te antecipei hoje, por algum motivo a gente vive separado. Yet, sempre tão juntos. Que eu continue cada dia sendo um pouco vc, e vc um pouco eu. Que eles saibam que eu serei sempre teu e tu sempre minha. Vizinho, vizinha. Mesmo que algumas horas dopados de dramim away. 

Que tua estrela continue a brilhar e que reflita aqui, nos meus dias. Que quando a saudade apertar, não nos falte snaps, internet e fones de ouvido pra se acabar em Aventura, em Jay Vaquer, ou em wonderwall. Que cada dia tu seja mais e precise de menos. 

Pq eu sonho pra ti, sua pomba linda, asas que tem leve beem longe, mas que também te tragam aqui.
<3

Um comentário:

  1. adorei a estrutura deste texto, confesso que não entendi tudo que quiz dizer, mas mesmo assim vi varias figuras se formarem... espero que as asas tragam na direção certa o que precisa! abs

    ResponderExcluir